Aristóteles Lima Thury

Presidente do TRE-AM morre de Covid-19

Publicado por

É com imenso pesar que noticiamos o falecimento do Desembargador Aristóteles Lima Thury, Presidente do TRE-AM. O desembargador morreu neste domingo (14) por complicações da Covid-19. Aristóteles Thury (71 anos) estava afastado do cargo desde janeiro, quando foi internado com a doença causada pelo novo coronavírus no Amazonas e, posteriormente, transferido para São Paulo.

Aristóteles formou-se em Direito pela Universidade Federal do Amazonas em 1976. Sua carreira na magistratura teve início em 1980. Em 2010, o ocupou a vaga de membro substituto destinada aos desembargadores do TJ/AM e, no biênio 2018/2020, foi vice-presidente e corregedor do TRE/AM. Ao longo de sua carreira, também lecionou as disciplinas de Direito Penal e Processual Penal em diversas Faculdades do Amazonas.

Com a triste notícia, diversas autoridades foram à público manifestar solidariedade e prestar homenagens ao Desembargador Aristóteles Thury.

O Ministro Luiz Fux, Presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), publicou nota de pesar:

“Lamento profundamente a morte do desembargador Aristóteles Lima Thury, presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), pela Covid-19. Esta grave doença já tirou a vida de quase 240 mil brasileiros, que eram pais, filhos, amigos, tios. Em nome do Judiciário brasileiro, externo meu pesar à família de Aristóteles Thury e às famílias de todos que se foram, vítimas dessa tragédia sanitária que assola o mundo”, declarou o presidente do STF.

A Seção Judiciária do Estado do Amazonas, por meio do Juiz Federal Ricardo Augusto de Sales, também divulgou nota de pesar:

“A Diretoria do Foro da Seção Judiciária do Amazonas manifesta o mais profundo pesar pelo falecimento do Desembargador Aristóteles Lima Thury, Presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas, ocorrido neste domingo (14/02), em São Paulo-SP. Neste momento de luto e dor, a Justiça Federal no Amazonas solidariza-se com os familiares e amigos do Desembargador Aristóteles Thury”.

O prefeito Davi Almeida, em suas redes sociais, desejou condolências aos familiares de Aristóteles e decretou luto de três dias na cidade de Manaus:

“Estou em oração pela família e amigos do desembargador Thury, que infelizmente foi vencido por este vírus tão cruel, que há mais de um ano vem ceifando as vidas de várias pessoas pelo mundo. Que nosso Pai celestial o receba em luz, na sua eterna morada”, declarou o prefeito.

O TRE-AM, naturalmente, também prestou as devidas homenagens:

“Um grande Magistrado de carreira, que pautou sua trajetória Jurídica com dignidade e nobreza de caráter. A Magistratura do Amazonas sente a perda irreparável de seu ilustre integrante, que dedicou sua vida ao exercício da atividade jurisdicional e o fez com grande competência e serenidade. Enquanto Presidente do TRE atuou como um grande Líder e merecendo de todos o reconhecimento e o valor que sempre demonstrou no exercício de seu cargo, em destaque, sua atuação nas últimas eleições municipais, onde contribuiu para elevar a credibilidade da Justiça Eleitoral. Desembargador Thury foi um alicerce e uma referência a toda magistratura amazonense. O tempo transformará sua partida em saudades.” (Desembargador Jorge Manoel Lopes Lins, presidente em exercício do TRE-AM).

Veja também